A Sonae Indústria anunciou esta quarta-feira que vai arrancar com os últimos investimentos efectuados, um deles na África do Sul, onde investiu oito milhões de euros, avança a empresa.

«Investimos na melhoria da nossa base industrial, mantendo sempre a preocupação das melhores práticas ambientais, seguindo uma visão clara e sustentada do futuro», disse o Presidente Executivo da Sonae Indústria, Carlos Bianchi de Aguiar.

A empresa arranca assim com a produção da nova prensa de melamina em White River, na África do Sul. A primeira placa foi produzida a 8 de Agosto, estando já a produzir em pleno (24 horas por dia). Esta linha corresponde a um investimento de cerca de 8 milhões de euros.

Além disso, a empresa explica que em Oliveira do Hospital, a 1 de Setembro, arrancou com uma nova Central de Energia, com base em recursos renováveis (biomassa) e que substitui a anterior central, que ainda utilizava parcialmente combustiveis fósseis. Este investimento, que ronda os 11 milhões de euros, vai responder às necessidades de energia térmica, utilizada no processo industrial.

«Este projecto foi aceite pelo AICEP (Agência para o Investimento e Comércio Externo de Portugal), no Quadro de Referência Estratégica Nacional 2008», salienta Carlos Bianchi de Aguiar, que acrescenta ainda que «a nova licença ambiental, para toda a unidade industrial, foi concedida a 22 de Julho de 2008, pela Agência Portuguesa do Ambiente, incluindo o gerador de gases quentes, com uma capacidade nominal de 64,9 MW (térmicos)».

«Com estes investimentos esperamos continuar a contar com a confiança dos nossos clientes e dos nossos investidores, rumo ao desenvolvimento sustentável do nosso negócio», finalizam.
Redação / CPS