O Parlamento Europeu adoptou na passada terça-feira a legislação que prevê a generalização dos dispositivos anti-derrapantes de controlo de trajectória nos veículos novos, entre outros medidas destinadas a melhorar a segurança e o impacto ambiental dos automóveis.

A nova legislação, que será aplicável em todos os países da União Europeia a partir de 2011, rege a concepção e a construção das viaturas em geral mas também o equipamento dos dispositivos actualmente reservados às viaturas topo de gama.

Entre estes equipamentos estão o Programa Electrónico de Estabilidade (ESP, sigla em inglês) e o Controlo Electrónico de Estabilidade (ESC, sigla em inglês), que permitem ao condutor manter o controlo sobre a viatura em caso de derrapagem.

As novas regras tiveram o aval dos 27 países membros da União Europeia.

Em matéria de pneus, o regulamento impõe a generalização dos sistemas de controlo de pressão dos pneus sobre os carros de particulares e no caso dos camiões a colocação de sistemas avançados de travagem de urgência e de detecção de desvio de trajectória.

A nova regulamentação sobre os pneus permite igualmente reduzir a poluição sonora e os consumos excessivos de combustível associados a certos tipos de pneus.

O regulamento impõe também novos critérios para a atribuição de matrículas, a venda e a utilização das viaturas.
Redação / MD