O prémio Nobel de Economia Robert Mundell afirmou esta quarta-feira numa conferência em Hong Kong que a China, tal como todas as grandes economias, vai entrar em recessão, avança o «Invertia».

Mundell assegurou que a China não vai escapar, durante a sua intervenção na sede da Autoridade Monetária de Hong Kong.

O professor da Universidade de Columbia, que não descartou um Produto Interno bruto de 6% para a China em 2009, vaticinou para o país asiático um colapso das importações e exportações.