O acréscimo do indicador está acima da média apontada pelos economistas contactados pela Bloomberg, que esperavam um aumento mais ligeiro, para 41 pontos.

O índice ZEW mede a confiança dos investidores institucionais e dos analistas e é divulgado alguns dias antes do índice IFO, que avalia a confiança dos empresários da primeira economia da Europa.