O conselho de administração da Brisa vai propôr a distribuição de um dividendo de 27 cêntimos por acção relativo aos resultados de 2004. Este dividendo representa um aumento de 17% face ao distribuído em 2003, de 23 cêntimos por acção e irá a aprovação na Assembleia-geral do próximo dia 28 de Março.

No que se refere aos proveitos, revelaram um crescimento de 7% para 600 milhões de euros, sendo que as receitas de portagens subiram 4% para 522 milhões de euros.

Por seu lado, o EBITDA aumentou 9% para 437 milhões de euros.

Em termos de investimento a subida foi de 67% para 330 milhões de euros.
Alda Martins