«A passagem de Ano não foi tão alegre em nossa casa por causa da catástrofe na Ásia», disse Willi Weber, durante uma emissão especial de um canal de televisão alemão, dedicada à catástrofe no sudeste asiático, onde foram já contabilizadas mais de 146 mil vítimas mortais.
Redação / Público on line/AM