A Mitsubishi, construtora automóvel do Tramagal, volta esta segunda-feira e durante toda a semana a suspender a actividade produtiva, sendo que os trabalhadores da linha de produção vão receber formações técnicas durante os cinco dias.

Segundo a Lusa, fonte oficial da fábrica do Tramagal, em Abrantes, confirmou que ao abrigo do plano de apoio do governo ao sector automóvel, os trabalhadores cuja actividade vai ser suspensa irão ter formação técnica e profissional.

A Toyota Salvador Caetano, de Ovar, também vai encerrar a linha de produção esta semana e prevê novas paragens nos próximos dias 16, 17, 18, 20 e 27.

Paragens até final do ano

Fonte oficial da empresa disse que «até ao final do ano, a fábrica vai ter de efectuar uma série de paragens para reajustar a produção», explicando que estas serão programadas mês a mês.

Ao longo deste mês a fábrica vai totalizar oito dias de suspensão da produção.

Também os trabalhadores da Toyota Salvador Caetano, cuja actividade vai ser suspensa, vão ter formação em três dos cinco dias de suspensão agendados até ao fim deste mês.

Nas duas fábricas, os funcionários dos departamentos administrativos e comerciais vão continuar a trabalhar com normalidade.
Redação / MD