O Benfica está eliminado da Liga Europa - que fica assim sem equipas portuguesas -, depois de um empate a três golos com o Shakhtar Donetsk.

Um resultado que coloca nos oitavos de final a formação ucraniana, orientada pelo português Luís Castro, que tinha vencido em casa por 2-1.

Um golo de Pizzi, logo ao minuto 9, deu vantagem ao Benfica (no jogo e na eliminatória).

Só que um lance infeliz de Rúben Dias, que desviou um cruzamento de Dodô para a própria baliza, perante a proximidade de Júnior Moraes, empatou o jogo na Luz, apenas três minutos depois.

O central do Benfica redimiu-se ao minuto 36, com um golo de cabeça que deu nova vantagem à equipa portuguesa, que no início da segunda parte aproveitou um erro de um central do Shakhtar para fazer o 3-1, por intermédio de Rafa (47m).

Apenas dois minutos depois o Shakhtar reduziu a diferença e voltou à vantagem na eliminatória, graças a um golo de Stepanenko, na sequência de um pontapé de canto.

Ao minuto 71 a equipa orientada pelo português Luís Castro empatou mesmo o encontro da Luz, com um golo de Alan Patrick.