Trata-se de uma iniciativa que «pretende enfrentar a subida das taxas de juro no crédito à habitação, colocado as famílias portuguesas numa situação difícil», refere o administrador da Eurocaução, Ismael Duarte.

«O que se pretende com a oferta desta análise gratuita é disponibilizar ao cliente uma solução que lhe permita englobar todos os créditos num só, diminuindo drasticamente a prestação que paga mensalmente ao banco».

Recorde-se que a Eurocaução/Poupaeuros colocou crédito em particulares e empresas no valor de 100 milhões de euros sendo a componente de particulares em cerca de 85%.

Prevê este ano, um volume de negócios de 150 milhões de euros, o que representa um crescimento de cerca de 50% relativamente ao ano anterior.
Redação / CPS