“O sistema de comunicação para a agricultura é muito fragmentado e essa fragmentação também tem muito a ver com o desinvestimento do Estado na parte da produção de conhecimento e transferência de conhecimento e no aconselhamento na agricultura”, afirmou hoje à agência Lusa Lívia Madureira.


“O que nós vimos é que o sistema está desguarnecido no que tem a ver com outro tipo de apoio técnico, quer à produção, à comercialização ou à inovação. Há uma série de áreas que estão desguarnecidas porque, quando se fez essa transferência do setor público para o privado, não-governamental, essas valências não foram contempladas”, sustentou.










“É preciso um novo investimento nestas infraestruturas de produção de conhecimento. Tem que haver alguma coordenação. Tem havido muito investimento na agricultura, mas tem sido sobretudo na área produtiva, enquanto a área do conhecimento tem sido um pouco descurada, tem ficado na mão dos próprios produtores”, salientou.










Redação / MM