As análises feitas ao primeiro caso suspeito de infeção pelo novo coronavírus na Região Autónoma da Madeira deram negativo. A informação foi avançada por Herberto Jesus, responsável pelo Instituto de Administração da Saúde (IASaúde) da Madeira, em conferência de imprensa realizada este domingo.

Trata-se de uma jovem universitária, de 18 anos, residente na Madeira, mas que tinha visitado recentemente Milão, em Itália.

Ao que a TVI conseguiu apurar, vai permanecer em isolamento no Hospital Central do Funchal, unidade de referência na região autónoma para tratar o novo coronavírus.

O doente encontra-se clinicamente estável, estando prevista em tempo oportuno, a sua transferência para outro serviço do SESARAM (Serviço de Saúde da Região Autónoma da Madeira)", confirmou Herberto Jesus. 

De acordo com o comunicado, até às 13:00 deste domingo não foi identificado mais nenhum caso suspeito na Madeira.

Mário Gouveia