Um incêndio florestal na zona de Moita das Pataratas, no concelho da Nazaré, chegou a ser combatido por 125 operacionais e cinco meios aéreos.

Ao que a TVI conseguiu apurar junto do Comando Distrital de Operações de Socorro (CDOS) de Leiria, no local estiveram 33 viaturas dos bombeiros, GNR e da Unidade de Emergência de Proteção e Socorro (UEPS).

O alerta foi dado às 16:39 e às 19:00 encontrava-se ainda uma frente ativa que, segundo fonte do CDOS de Leiria, "já está a ceder aos trabalhos".

Carlos Guerra, Comandante Distrital de Operações de Socorro de Leiria, confirmou à Lusa que o incêndio entrou em resolução às 19:40, mas no local mantinham-se às 20:30 mais de uma centena de bombeiros e um meio aéreo.

O incêndio está dominado, mas os trabalhos vão ser demorados devido à densidade da vegetação”.

A principal dificuldade no combate às chamas foi “o forte vento que se fez sentir na região Oeste”.

 Teve um ataque inicial muito musculado, com dois aviões e dois helicópteros pesados logo no início”, quer por causa do vento quer pela “densidade da vegetação”, na zona ocupada essencialmente por pinheiros.

Não há feridos a registar, nem casas em perigo.

De acordo com a página na internet da Autoridade Nacional de Emergência e Proteção Civil, às 20:30 mantinham-se ainda no local 117 operacionais, apoiados por 33 meios terrestres e um meio aéreo.

Cláudia Évora / com Lusa - Notícia atualizada às 21:12