Um total de 17 utentes foram identificados como portadores de uma bactéria multirresistente no Hospital São Sebastião, em Santa Maria da Feira, distrito de Aveiro,

A bactéria foi detetada em três utentes no dia 25 de agosto, como explica o Centro Hospitalar de Entre Douro e Vouga (CHEDV), numa resposta à TVI24.

No passado dia 25 de agosto, nos habituais rastreios de rotina de monitorização e controlo de infecções hospitalares realizados regularmente pelo CHEDV, foram detectados 3 utentes internados."

Na mesma nota, o CHEDV sublinha que, de imediato, a equipa do Grupo Coordenador Local do Programa de Prevenção e Controlo da Infecção Antimicrobiana do hospital acionou "as estratégias protocoladas para este tipo de situações" e que os três utentes foram isolados em quartos individuais. 

Após os regulares rastreios realizados e até ao momento estão identificados um total de 17 utentes portadores/colonizados pela bactéria. Nenhuma destas pessoas se encontra infectada (doente) por causa dessa bactéria", lê-se na nota.

"Até ao momento não foi detectado nenhum profissional do CHEDV portador dessa bactéria", acrescenta o hospital.

Todos os doentes foram internados por motivos extrínsecos a esta bactéria estando todos em enfermaria geral numa ala dedicada. O CHEDV já reforçou as medidas de segurança estando a fazer o acompanhamento e monitorização, permanentes, desta situação", conclui a nota.

 
Sofia Santana / atualizada às 11:35