Mais de mil escolas em Portugal têm ou tiveram casos de covid-19, denunciou a Fenprof nesta quinta-feira.

A lista das 1.011 escolas/agrupamentos foi divulgada pela Federação Nacional dos Professores.

A Fenprof disse, também, que solicitou ao Ministério da Educação uma lista atualizada das escolas com casos de covid-19, bem como informação sobre os procedimentos adotados, "mas não obteve resposta, apesar de o Ministério estar obrigado, por lei, a disponibilizar essa informação".

No seu entender, os 68 surtos em escolas confirmados pela Direção-Geral da Saúde é um número "muito abaixo" daquele que é do conhecimento da Fenprof.

Da lista apresentada pela federação, atualizada até às 12 horas de hoje, "constam escolas (públicas e privadas) em que se registaram casos de covid-19, independentemente de se encontrarem ou não ativos".

Face à atual situação no país, a Fenprof pede aos epidemiologistas que participam nas reuniões no Infarmed e ao presidente da Associação Nacional dos Médicos de Saúde Pública "que se pronunciem em relação aos rastreios que, nas escolas, não são realizados, mesmo quando existem casos confirmados".

E insiste, igualmente, "na necessidade de o Ministério da Educação divulgar a lista de escolas em que existem casos de covid-19, o seu número, por universo, e os procedimentos adotados".

Fenprof - lista de escolas ... by TVI24

Catarina Machado