A Polícia Judiciária, através da Diretoria do Norte, identificou e deteve uma mulher responsável pelo homicídio de uma mulher cuja cabeça foi encontrada no areal da praia de Leça da Palmeira, em Matosinhos. A suspeita está indiciada da prática de um crime de homicídio qualificado e profanação de cadáver

"Após intensas diligências de investigação que possibilitaram a identificação da vítima, foi possível recolher elementos que conduziram à detenção de uma cidadã estrangeira, para quem aquela trabalhava, que se encontra indiciada pela coautoria do homicídio e subsequente profanação de cadáver. Na origem dos factos, cuja investigação se encontra ainda em desenvolvimento, está a existência de uma dívida da arguida à vítima, que esta insistia em ver saldada", pode ler-se no comunicado.

A detida, com 52 anos, massagista, sem antecedentes criminais conhecidos, vai ser presente à autoridade judiciária competente para primeiro interrogatório judicial e aplicação das medidas de coação tidas por adequadas.
 

Andreia Miranda