Um sismo de magnitude 5,3 na escala de Richter foi registado este sábado na Madeira. Segundo o Instituto Português do Mar e da Atmosfera, o sismo  registou-se a 40 quilómetros da Ilha Deserta Grande às 20:58. 

O sismo “foi sentido com intensidade máxima IV/V, na escola de Mercalli, na região de São Martinho, no Funchal”, refere o IPMA em comunicado, salientando que “não causou danos pessoais ou materiais”.

O sismo foi registado nas estações da Rede Sísmica do Continente e teve uma magnitude de 5,3 na escala de Richter.

O sismo teve o seu epicentro a cerca de 40 quilómetros a sudoeste da Deserta Grande, nas ilhas Desertas, pertencentes à Região Autónoma da Madeira.

Muita gente terá saído para a rua no momento em que o sismo foi sentido.

Senti o chão todo a tremer", disse uma residente no Funchal à TVI, explicando que vários familiares ficaram "em pânico".

 

Senti as minhas pernas a tremer", disse outra madeirense interpelada no local.

Várias pessoas nas redes sociais deram conta do momento em que a terra tremeu.

O sismo terá mesmo obrigado a evacuar a sala onde discursava o líder do CDS, Francisco Rodrigues dos Santos, que este sábado está no Funchal.

/ BC - atualizada às 22:35