Portugal registou, nas últimas 24 horas, 646 novos casos de infeção pelo vírus SARS-CoV 2, o vírus que provoca a covid-19. Há agora um total de 61.541 casos contabilizados em Portugal. 

Desde 20 de abril que não havia registo de tantas novas infeções. Nessa altura, Portugal ainda estava em confinamento. 

O boletim diário emitido pela Direção Geral de Saúde dá conta de mais três morto, elevando o total de óbitos para 1.849. 

Há atualmente 16.408 ativos. O documento da DGS aponta para menos três pessoas internadas em relação ao de ontem, num total de 391, sendo que 52 pessoas estão em cuidados intensivos (mais dois doentes do que no dia de ontem). 

Das três mortes, duas foram registadas na região de Lisboa e Vale do Tejo e uma na região Norte.

Em vigilância permanecem 35.151 contactos, mais 685 do que na terça-feira.

Boletim 09 Set by TVI24 on Scribd

Na região de Lisboa e Vale do Tejo foram notificados 290 novos casos, contabilizando 31.563 e 689 mortes desde o início da pandemia.

A região Norte regista hoje mais 276 casos, somando agora um total de 22.325, com 852 mortos.

Na região Centro, foram observados mais 40 casos nas últimas 24 horas, totalizando 5.044 infeções e 254 mortos, adiantam os dados da Direção-Geral da Saúde.

O Alentejo registou mais 23 infeções pelo SARS-Cov-2, o coronavírus que provoca a doença covid-19, somando agora 1.021 casos e 22 mortos.

De acordo com os dados, a região do Algarve soma hoje mais 15 casos, totalizando 1.186 infeções e 17 mortes desde o início da pandemia.

A Região Autónoma dos Açores notificou mais um caso, o que perfaz no total 228 infeções e 15 mortos.

A Madeira também registou hoje um novo caso, contabilizando 174 infeções de covid-19 e nenhum óbito.

A DGS avança também que nas últimas 24 horas 138 doentes recuperaram, totalizando 43.284 pessoas dadas como recuperadas desde o início da pandemia em Portugal.

O número de internados desceu para 391 (menos três) e o de doentes em internamento nas Unidades de Cuidados Intensivos subiu para 52 (mais dois).

Os casos confirmados distribuem-se por todas as faixas etárias, situando-se entre os 20 e os 59 anos o registo de maior número de infeções.

No total, o novo coronavírus afetou em Portugal pelo menos 27.744 homens e 33.797 mulheres, de acordo com os casos declarados.

Do total de vítimas mortais, 930 eram homens e 919 mulheres.

O maior número de óbitos continua a concentrar-se nas pessoas com mais de 80 anos.

A pandemia de covid-19 já provocou pelo menos 898.503 mortos e infetou mais de 27,6 milhões de pessoas em 196 países e territórios, segundo um balanço feito pela agência francesa AFP.

A doença é transmitida por um novo coronavírus detetado no final de dezembro, em Wuhan, uma cidade do centro da China.

Depois de a Europa ter sucedido à China como centro da pandemia em fevereiro, o continente americano é agora o que tem mais casos confirmados e mais mortes.

Manuela Micael / Atualizada às 15:00, com LUSA