O Tribunal de Leiria condenou um homem de 42 anos a três anos e seis meses de prisão efetiva pela prática de um crime de roubo, informou hoje a Procuradoria da Comarca de Leiria.

O homem, residente em Lisboa, foi condenado pela prática de um crime de roubo, na pena de três anos e seis meses de prisão efetiva e a pagar a quantia de 2.000 euros à ofendida, à qual acrescem juros, e o montante de 1.244 euros à empresa roubada, igualmente acrescida de juros.

O acórdão deu como provado que, no dia 9 de agosto de 2017, pelas 16:29, no interior do supermercado "Bricomarché", em Outeiros da Gândara, em Leiria, "o arguido abordou uma operadora de caixa, munido de um instrumento em tudo semelhante a uma arma de fogo (tipo pistola), que lhe exibiu, enquanto lhe ordenava que abrisse a caixa e lhe entregasse o dinheiro que continha", refere a nota da Procuradoria publicada na internet.

Perante a recusa da operadora em abrir a caixa e entregar o dinheiro, o arguido "desferiu uma pancada com aquele objeto, atingindo a cabeça da ofendida e provocando um corte atrás da orelha direita".

O acusado "arrancou a caixa em metal, onde estava guardada a importância de 1.244 euros em notas e moedas e levou-a consigo".

"A ofendida careceu de tratamento médico, dado ter lesões na face, as quais demandaram cinco dias de doença, com igual período de afetação para o trabalho geral e profissional".

O arguido aguarda o trânsito em julgado do acórdão em prisão preventiva.