A GNR deteve esta segunda-feira dois homens suspeitos de 40 crimes de furto no interior de estabelecimentos de restauração e talhos em quatro concelhos do distrito de Braga, anunciou aquela força.

Em comunicado, a GNR refere que os furtos ocorreram nos concelhos de Amares, Braga, Vieira do Minho e Vila Verde.

“Através de arrombamento, os suspeitos introduziam-se nas instalações com o intuito de furtar dinheiro, álcool, bens alimentares, combustível e eletrodomésticos”, acrescenta.

A investigação decorria há seis meses, tendo a GNR cumprido hoje os mandados de detenção.

Os detidos, de 30 e 49 anos, têm antecedentes criminais pelo mesmo tipo de crime.

Vão ser presentes na terça-feira ao Tribunal Judicial de Braga, para aplicação das respetivas medidas de coação.