Morreu esta madrugada Manuel Palito, vítima de cancro, no IPO do Porto, confirmou fonte da unidade hospitalar à TVI.

Manuel Baltazar, mais conhecido por "Palito", estava a cumprir uma pena de 25 anos de prisão, por ter matado duas mulheres e ferido outras duas, em 2014, na Aldeia de Valongo dos Azeites, em S. João da Pesqueira. Depois disso, esteve 34 dias em fuga até ser apanhado

Recorde-se que "Palito" terá disparado uma arma tipo caçadeira contra a filha e a ex-mulher (Sónia Baltazar e Maria Angelina Baltazar, que ficaram feridas) e duas familiares desta (a tia e a mãe, Elisa Barros e Maria Lina Silva, que morreram).  

Durante 34 dias, Manuel Palito andou em fuga, numa das maiores caças ao homem montadas pelas autoridades portuguesas.

Catarina Pereira