O plano de vacinação dos professores e auxiliares vai ser retomado no fim de semana de 27 e 28, após a retoma da administração da vacina da AstraZeneca na segunda-feira, avançou a task force.

Além de fazermos o arranque na segunda-feira, os docentes e não docentes serão vacinados no fim de semana a seguir", revelou o almirante Henrique Gouveia e Melo.

Na conferência de imprensa, após o regulador europeu (EMA) ter afirmado que a vacina da AstraZeneca é segura e eficaz, o chefe da task force admitiu que o número de pessoas com a vacinação adiada ronda os 120 mil. "Vamos recuperar muito rapidamente essa vacinação. Mais uma semana e meia e temos o plano recuperado", disse.

Em causa está a vacinação de cerca de 80 mil pessoas, sendo que o processo de vacinação dos docentes e auxiliares de todos os ciclos de ensino iria prolongar-se até ao final de abril.

A posição da EMA surge depois de nos últimos dias vários países europeus, incluindo Portugal, terem decidido por precaução suspender a administração da vacina da AstraZeneca após relatos de aparecimento de coágulos sanguíneos e da morte de pessoas inoculadas com este fármaco.

Em Portugal, a pandemia de covid-19 já provocou 16.743 mortos entre os 816.055 casos de infeção confirmados, de acordo com o boletim mais recente da Direção-Geral da Saúde.