Portugal registou, nas últimas 24 horas, mais 5.891 casos de infeção pelo vírus SARS-CoV-2 e mais 79 mortos por covid-19. São dados revelados pelo boletim epidemiológico diário, divulgado esta quarta-feira pela Direção-Geral de Saúde (DGS).

De acordo com o boletim desta quarta-feira, aumentou o número de doentes em internamento. São agora mais 23, prefazendo um total 3.051 doentes em internamento. Há também mais um doente em cuidados intensivos, num total de 432. 

Desde o início da pandemia, Portugal já registou 3.632 mortes e 236.015 casos de infeção pelo novo coronavírus, estando atualmente ativos 78.641 casos, mais 1.555 do que na terça-feira.

De acordo com o boletim, 54% dos novos casos situam-se na região Norte, que contabilizou nas últimas 24 horas mais 3.191 infeções, seguido de Lisboa e Vale do Tejo, com 1.637 novos casos (28%), região Centro, com 791 casos (13%), Alentejo, com 133 casos (2%), Algarve, com 119  casos (2%), Açores, com 19 (0,3%), e Madeira com um (0,02%).

À semelhança do que já tinha acontecido nos últimos dias, é também na região Norte que se registam mais vítimas mortais. Mais 47 de acordo com o boletim epidemiológico da DGS. Segue-se Lisboa e Vale do Tejo, que tem mais 16 óbitos (e um total de 1339), a região Centro, com mais dez óbitos (454), o Alentejo mais cinco (88) e o Algarve mais uma (37).

Em termos etários, os óbitos dividem-se da seguinte maneira:

  • 62 pessoas com 80 ou mais anos (32 homens e 30 mulheres)
  • 9 entre os 70-79 anos (sete homens e duas mulheres)
  • 6 entre os 60-69 anos (dois homens e quatro mulheres)
  • 2 homens na faixa etária dos 40-49 anos

Boletim Dia 18 Novembro by TVI24 on Scribd

A DGS refere também que as autoridades de saúde têm em vigilância 79. 627 contactos, menos 1.190 em relação a terça-feira, e que foram dados como recuperados mais 4.257 doentes, num total de 153.702 desde o início da pandemia.

No boletim, a Direção-Geral da Saúde precisa que a 16 de novembro houve uma atualização do sistema de tecnologia de análise de dados provenientes do SINAVE (Sistema Nacional de Vigilância Epidemiológica), tendo sido atualizado o número cumulativo de casos confirmados e recuperados nessa data.

A região Norte é a que regista a maioria dos novos casos, tendo sido reportados 3.191 nas últimas 24 horas, totalizando 120.157 casos de infeção e 1.697 mortos desde o início da pandemia.

Na região de Lisboa e Vale do Tejo foram notificados mais 1.637 novos casos de infeção, contabilizando-se agora 83.258 ocorrências e 1.339 mortes.

Na região Centro registaram-se mais 791 casos de infeção, contabilizando-se agora 22.197 e 454 mortos.

No Alentejo foram registados mais 133 novos casos de covid-19, totalizando 4.680 e 88 mortos.

A região do Algarve tem hoje notificados mais 119 casos de infeção, somando 4.357 casos e 37 mortos desde o início da pandemia.

Na Região Autónoma dos Açores foram registados 19 novos casos nas últimas 24 horas, somando 644 infeções detetadas e 15 mortos desde o início da pandemia.

A Madeira registou um caso nas últimas 24 horas, contabilizando 722 infeções e dois óbitos.

Os casos confirmados distribuem-se por todas as faixas etárias, situando-se entre os 20 e os 59 anos o registo de maior número de infeções.

O novo coronavírus já infetou em Portugal pelo menos 103.990 homens e 127.452 mulheres, de acordo com os casos declarados.

O boletim de hoje refere que há 4.573 casos confirmados de sexos desconhecidos que se encontram sob investigação, uma vez que estes dados não são fornecidos de uma forma automática.

Do total de vítimas mortais, 1.856 eram homens e 1.776 mulheres.

O maior número de óbitos continua a concentrar-se nas pessoas com mais de 80 anos.

Manuela Micael / Atualizado com Lusa, às 14:28