Um jovem foi assassinado esta quarta-feira na estação de metro das Laranjeiras, em Lisboa, após ser esfaqueado por dois homens, confirmou a TVI24. A polícia acrescentou entretanto que a vítima era menor de idade.

Foi uma ocorrência por volta das 13:17, um jovem que foi agredido com arma branca, vindo a falecer na estação das Laranjeiras”, informou a PSP.

De acordo com a polícia, os suspeitos do homicídio são dois homens que já estavam sinalizados pelas autoridades. A PSP já despistou entretanto a situação de assalto, sabendo a TVI24 que se tratou de um ajuste de contas, na sequência de um conflito entre dois grupos rivais.

O metro não foi interrompido, simplesmente não está a parar na estação das Laranjeiras”, indicou a PSP.

Os dois homens suspeitos do homicídio consumado “fugiram após as agressões”, pelo que estão a ser empenhados esforços para a sua identificação e detenção, referiu a PSP.

A Polícia Judiciária foi chamada ao local, por se tratar de um crime de homicídio.

Fonte do Metropolitano de Lisboa confirmou o incidente, que acabou por levar a perturbações no metro.

Ninguém pode entrar nem sair, os comboios passam e não param”, disse fonte do Metropolitano pelas 14:45.

A operacionalidade da estação foi restabelecida cerca de três horas depois.

O Metropolitano de Lisboa disse ainda poder disponibilizar as imagens de videovigilância às entidades competentes pela investigação do homicídio.

Diogo Assunção / com Lusa