O homem de 69 anos desaparecido desde terça-feira na zona de Odemira (Beja) foi, esta sexta-feira, encontrado com vida pelas autoridades e transportado para o centro de Saúde local, com sinais de desidratação, revelaram a GNR e bombeiros.

O Comando Distrital de Operações de Socorro (CDOS) de Beja disse hoje à agência Lusa que o homem foi “encontrado às 17:16, perto de Odemira, por militares da GNR”.

Fonte do Comando Territorial de Beja da GNR, contactada pela Lusa, explicou que o homem “foi localizado por uma das equipas cinotécnicas” da Guarda envolvidas nas buscas.

O homem, que “apresentava sinais de desidratação e desorientação”, foi transportado pelos bombeiros para o Serviço de Urgência Básico do Centro de Saúde de Odemira, acrescentou o CDOS.

O alerta para o desaparecimento do indivíduo, desde terça-feira de manhã, foi feito pelo próprio irmão no Posto de Odemira da GNR, na quarta-feira à noite, tendo aquela força de segurança iniciado as buscas.

Segundo indicou à Lusa a GNR, na quinta-feira, o homem ainda tinha sido visto por um popular, na terça-feira de manhã, na zona de Marafonha, no concelho de Odemira.

As buscas naquele concelho do litoral alentejano envolveram um total de 14 operacionais da corporação dos Bombeiros de Odemira, apoiados por cinco veículos, e 11 da GNR, auxiliados por quatro viaturas, disse hoje o CDOS.