Dois militares da tripulação do navio NRP Setúbal, que assegura missões de busca e salvamento, testaram positivo à covid-19, tendo sido retirados do navio, enquanto os restantes 61 tripulantes permanecem na embarcação, anunciou hoje a Marinha.

“Dois militares da guarnição do NRP Setúbal testaram positivo à covid-19, no início desta semana. Os dois militares cumprem agora o período de quarentena, fora do navio”, lê-se num comunicado da Marinha.

A Marinha Portuguesa frisa que, “após se verificar sintomas de tosse por parte de um dos militares”, toda a tripulação do NRP Setúbal “foi submetida a testes”, sendo que, além dos dois casos positivos, os restantes 61 membros da tripulação testaram negativo.

“Já hoje, terça-feira, foram realizados novos testes a todos os elementos e novamente os resultados foram negativos. A guarnição continuará a fazer novos testes até ao final da semana. Todos os militares encontram-se bem”, lê-se na nota.

A Marinha informa ainda que toda a tripulação do navio se encontra vacinada e que, no dia 19 de agosto, “antes de ir para o mar”, tinha sido testada, “tendo os exames sido negativos”.

“Ao nível operacional, o planeamento previsto do Dispositivo Naval Padrão continuará a garantir o cumprimento das missões previstas”, frisa ainda a Marinha.

/ CP