A rua do Campo Alegre, na cidade do Porto, onde hoje ao fim da tarde ocorreu um acidente que causou 11 feridos, foi reaberta na totalidade, indicou à Lusa fonte do Comando Distrital de Operações de Socorro (CDOS).

Em causa uma artéria que esteve fechada cerca de três horas, entre as 18:00 e as 21:00, devido a um acidente que envolveu um autocarro articulado da STCP – Sociedade de Transportes Coletivos do Porto e uma viatura ligeira.

Inicialmente, o número de vítimas avançado tinha sido de dez, mas o comandante do Batalhão de Sapadores Bombeiros do Porto, Carlos Marques, especificou no local que o total de feridos foi de 11.

Até ao momento não foi possível apurar o estado dos feridos que resultaram do acidente, sendo que a informação adiantada no local foi de que se tratava de oito ligeiros, entre os quais uma criança, e três graves.

Ao local acorreram meios do Batalhão de Bombeiros do Porto e de outras corporações da região, e do Instituto Nacional de Emergência Médica.

Em declarações à agência Lusa, cerca das 21:30, fonte do CDOS do Porto apontou que a rua foi reaberta e o trânsito restabelecido, estando em curso a limpeza da via.

Uma hora antes, no local, a Lusa constatou que um dos sentidos foi reaberto entre a Praça da Galiza e o túnel de acesso à ponte da Arrábida, quando foi retirado o autocarro e cortada uma árvore de grande porte que estava tombada sobre este.