Quatro mulheres, entre os 21 e os 38 anos, foram detidas pela GNR pela alegada autoria de crime de furto num estabelecimento comercial na cidade de Montemor-o-Novo, no distrito de Évora, foi revelado esta quinta-feira.

O Comando Territorial de Évora da GNR explicou, em comunicado enviado à agência Lusa, que as detenções foram efetuadas na quarta-feira, na sequência e uma denúncia por furto num supermercado.

Os militares deslocaram-se ao local, onde apuraram que as suspeitas se tinham colocado em fuga separadamente, tendo duas seguido num veículo e outras duas a pé”, indicou a Guarda.

As diligências policiais efetuadas culminaram “na interceção do veículo onde seguiam” duas das suspeitas, “com os bens furtados”, assim como “na localização das outras duas, que estavam escondidas nas imediações do local”.

Foram recuperadas diversas bebidas alcoólicas, bem como vários produtos de higiene, que foram posteriormente devolvidos ao legítimo proprietário”, indicou a GNR.

As detidas vão ser presentes ao Tribunal Judicial de Montemor-o-Novo, para eventual aplicação de medidas de coação.

A ação policial foi desenvolvida por militares do Posto Territorial de Montemor-o-Novo, tendo contado com o reforço do Núcleo de Investigação Criminal (NIC) e do Núcleo de Proteção Ambiental (NPA) daquele concelho e do Posto de Trânsito de Vendas Novas.

/ HCL