Portugal entrega na quarta-feira a Moçambique 110 mil doses da vacina Astrazeneca contra a covid-19, anunciou esta terça-feira o governo português.

Com esta nova entrega, ascendem a 160 mil as vacinas doadas por Portugal a Moçambique", no âmbito do compromisso político de doar aos Países Africanos de Língua Oficial Portuguesa (PALOP) e Timor-Leste pelo menos 5% das vacinas adquiridas por Portugal, explica em comunicado.

A doação acontece numa altura em que Moçambique quer acelerar a vacinação.

O Presidente moçambicano, Filipe Nyusi, anunciou na quinta-feira que já foram vacinadas 1,7 milhões de pessoas, ou seja, 10% da população que o governo pretende abranger até final de 2022.

O chefe de Estado disse que apesar das dificuldades de disponibilização de vacinas, "os esforços continuam e visam a vacinação, de outubro a dezembro, dos cidadãos com idade igual ao superior a 30 anos em todo o país, numa população estimada de sete milhões".

O país atingiu o pico da terceira vaga em julho e desde então regista uma redução consistente de todos os indicadores epidemiológicos.

Moçambique tem um total acumulado de 1.912 mortes e 150.572 casos de covid-19, dos quais 97% recuperados e 33 internados.

Agência Lusa / NM