Portugal contabiliza mais três mortos e 374 novos casos de covid-19, na últimas 24 horas, informa o boletim da Direção-Geral da Saúde, divulgado este sábado.

No total, a pandemia já infetou 57.448 pessoas em Portugal, das quais morreram 1.818.

Em relação aos doentes recuperados, após os 210 registados desde sexta-feira, são agora 41.766.

Os três óbitos registaram-se na região de Lisboa e Vale do Tejo, que totaliza agora 29.663 infeções (mais 149) e 663 vítimas mortais.

No norte, que contabiliza 848 mortos, registam-se 20.614 casos de covid-19, mais 157 que na véspera.

Na região centro, registaram-se mais 23 casos, num total de 4.780, com 253 mortos.

O Alentejo registou mais três infeções, num total de 926, e contabiliza 22 mortos, enquanto o Algarve, com 1.099 infeções, registou 37 novos casos nas últimas 24 horas. Nesta região a covid-19 provocou 17 mortos.

Boletim 29 de agosto by TVI24 on Scribd

Açores com mais um caso em São Miguel nas últimas 24 horas

As 1.485 análises realizadas nas últimas 24 horas nos Açores revelaram um novo caso positivo de covid-19 na ilha de São Miguel, mas a região mantém 27 casos ativos, depois de um caso positivo ter saído.

De acordo com o comunicado enviado pela Autoridade de Saúde Regional dos Açores, o caso diagnosticado hoje diz respeito a uma mulher de 30 anos, “que desembarcou na região a 22 de agosto, proveniente do continente americano”, e obteve resultado negativo no teste de despiste realizado à chegada, mas, na sexta-feira, “apresentou sintomatologia sugestiva de infeção”, tendo o segundo teste dado positivo para infeção pelo novo coronavírus.

“O caso apresenta situação clínica estável e foram já diligenciados, pela Delegação de Saúde Concelhia, os procedimentos definidos para caso confirmado, testagem e vigilância de contactos próximos”.

Com a “saída recente da região de um caso positivo”, os Açores contam 27 casos ativos, dos quais 24 são em São Miguel, dois na ilha Terceira e um na ilha do Pico.

Desde o início do surto, foram registados na região 218 casos de infeção pelo novo coronavírus SARS-CoV-2, que causa a doença covid-19. Morreram 16 pessoas, todas em São Miguel, e 155 recuperaram.

Andreia Miranda / com Lusa