O Governo anunciou esta quinta-feira que a proibição de circulação entre concelhos vai ser levantada na próxima semana. Recorde-se que, por ser Páscoa, a medida está em vigor desde 26 de março, prolongando-se ininterruptamente até 5 de abril, para evitar a propagação de contágio por covid-19.

Na segunda-feira cessa a proibição de circulação entre concelhos e na próxima quinzena não está prevista", afirmou António Costa.

A medida foi anunciada pelo primeiro-ministro na conferência de imprensa de anúncio do segundo passo de desconfinamento em Portugal.

A proibição de circulação entre concelhos foi uma medida tomada várias vezes para impedir a transmissão da doença entre a comunidade, até porque os municípios têm diferentes incidências.

Foi precisamente essa questão que levou António Costa a recomendar cautelas para 19 autarquias portuguesas, que têm uma incidência superior a 120 casos por 100 mil habitantes, a meta máxima estabelecida pelo Governo.

Sobre as fronteiras, o chefe do Governo referiu um acordo com Espanha para a manutenção do encerramento das fronteiras, para manter a pandemia "devidamente controlada".

Portugal e Espanha têm sido exemplares. Devemos ser dos poucos países europeus a acordar a gestão da fronteira sem medidas unilaterais", vincou.

A proibição de circulação entre os 278 municípios do continente foi já aplicada por várias vezes no âmbito do combate à pandemia de covid-19.

A medida está atualmente em vigor, neste período de Páscoa, desde a sexta-feira passada e até às 05:00 de segunda-feira.

António Guimarães