Um juiz de instrução criminal no Tribunal de Braga aplicou prisão preventiva a sete dos nove homens detidos na terça-feira pela GNR por tráfico de droga, anunciou esta quinta-feira esta força.

Em comunicado, a GNR acrescenta que os outros dois têm de se apresentar diariamente no posto policial da sua área de residência.

Após uma investigação que decorria há 14 meses, os nove homens foram detidos na terça-feira em Braga, Amares, Porto e Vila do Conde, no cumprimento de 19 mandados de busca.

A operação resultou na apreensão de 2.654 doses de haxixe e 100 de cocaína, além de 4.647 euros.

Foram ainda apreendidos 13 telemóveis, cinco veículos, seis munições, quatro ‘tablets’ e quatro computadores.

Os detidos têm entre 20 e 35 anos e dois já têm antecedentes criminais também por tráfico.