Portugal contabiliza, nesta terça-feira, mais 38 mortos e 691 novos casos de covid-19, de acordo com o último boletim epidemiológico da Direção-Geral da Saúde (DGS).

São mais quatro mortos e 297 casos que na segunda-feira, dia da semana em que os números são normalmente mais baixos.

Nas últimas 24 horas o número de internamentos baixou dos 2.000, com menos 170 doentes em enfermarias, para um total de 1.997, o que não acontecia desde 31 de outubro, e menos 23 nos cuidados intensivos (446).

A região de Lisboa continua a ser a mais afetada pela pandemia, com 47,4% dos óbitos diários (18) e 36,9% dos casos (255), seguindo-se o Norte, 26,3% dos óbitos diários (10) e 24% dos novos casos (166). A Madeira apresenta-se como a terceira região com mais novos casos, 20,2% do total diário (140), mais 124 infeções que na véspera.

Portugal tem, neste momento, 65.793 casos ativos de covid-19, menos 2.577 que no dia anterior. Há, também, menos 4.368 pessoas em contactos de vigilância com as autoridades de saúde, havendo ainda 36.859 casos considerados suspeitos.

Mais 3.230 doentes recuperaram da doença, totalizando 723.465. Há 30 dias consecutivos que este número supera o de novas infeções.

Desde o início da pandemia já morreram 16.389 doentes dos 805.647 infetados.

Boletim da DGS - 2 de março by TVI24

Catarina Machado