Três homens foram detidos esta terça-feira pela Polícia Judiciária por fortes indícios da prática de crimes de abuso sexual de crianças, ofensa à integridade física grave qualificada, ameaça agravada, detenção de arma proibida e crime cometido com arma.

De acordo com um comunicado da Polícia Judiciária, os factos ocorreram no dia 27 de março, em Vila Franca de Xira.

Os agressores, com idades compreendidas entre os 17 e os 23 anos, "após perpetrarem um crime de abuso sexual sobre uma criança, com 13 anos, vieram a esfaquear, várias vezes, o pai da mesma", refere a PJ.

Os autores não se coibiram de ameaçar, repetidamente, com a execução de mais crimes contra a liberdade e integridade sexual da criança e, também, contra a vida de ambas as vítimas", lê-se no mesmo texto.

A PJ acrescenta que "um dos autores possuía já antecedentes criminais por ilícitos de roubo, furtos em estabelecimentos, tráfico de estupefacientes e ameaça com arma de fogo".

Um dos detidos ficou em prisão preventiva, enquanto os outros dois ficaram sujeitos a apresentações policiais, um, com periodicidade diária e outro, bissemanal, assim como à proibição de contactos com as vítimas.

Sofia Santana