Um gomem foi detido pela Polícia Judiciária depois de ter praticado mais de 700 crimes de abuso sexual de crianças, avançou aquela fonte esta sexta-feira.

Segundo as autoridades, os crimes foram cometidos na zona de Lisboa.

O suspeito, de 49 anos, era vizinho da vítima e ter-se-à aproveitado da proximidade e confiança que a criança, de nove anos, depositava em si. O comunicado não divulga o sexo da vítima.

A Polícia Judiciária refere que os crimes foram cometido com uma frequência "quase diária", sendo que se vinham sucedendo desde 2018. A família acabou por tomar conhecimento da situação no mês de setembro de 2020.

O homem já foi presente a tribunal e foi-lhe aplicada a medida de coação de prisão preventiva.

António Guimarães