Um militar da Guarda Nacional Republicana foi detido, na segunda-feira, pela suspeita do abuso sexual de uma mulher que estava detida no posto Territorial de Celorico da Beira. A mulher de 45 anos pernoitou no posto e apresentou queixa na Polícia Judiciária da Guarda na manhã seguinte. 

A mulher tinha sido entregue no posto de Celorico pela PJ da Guarda para ali permanecer durante a noite. 

Em comunicado, a GNR garante que o militar foi presente a Tribunal e foi aplicada a medida de coação de termo de identidade e residência. A mesma instituição garante que foi aberto um inquérito interno.