A Autoestrada 4 (A4) reabriu ao trânsito na zona de Mirandela, depois de cerca de oito horas cortada, num percurso de seis quilómetros, devido ao despiste de um camião na madrugada desta sexta-feira, disse fonte da GNR.

O acidente sem vítimas ocorreu “às 03:45”, segundo o comando distrital de Bragança da GNR, e obrigou ao corte da autoestrada, entre os nós de Mirandela e do Romeu, no sentido Mirandela-Bragança e a condicionar o trânsito no sentido contrário.

Segundo a fonte da GNR, pelas 12:30, a circulação naquele troço da A4 fazia-se ainda de forma condicionada.

O corte foi efetuado para permitir a operação de remoção do veículo pesado de mercadorias e dos destroços, bem como para proceder à limpeza da via e à reparação de equipamento, como o separado central.

O trânsito, no sentido Mirandela-Romeu, foi desviado para a estrada nacional 15 (EN15), a via que antigamente ligava Bragança ao Porto e que foi substituída primeiro pelo itinerário principal nº.4 (IP4) e mais recentemente pela Autoestrada Transmontana, o troço da A4, entre Vila Real e Bragança.