A Polícia Judiciária (PJ) deteve uma mulher no aeroporto de Lisboa que transportava em malas de viagem “elevada quantidade de cocaína”, suficiente para fazer pelo menos 20.500 doses individuais, indicou esta segunda-feira aquela polícia.

Em comunicado, a Polícia Judiciária refere que a detenção por suspeitas de tráfico de droga foi feita, nos últimos dias, através da Unidade Nacional de Combate ao Tráfico de Estupefacientes.

A PJ adianta que, na sequência de informação recolhida no âmbito de uma investigação em curso, foi possível apurar que a mulher agora detida iria desembarcar no Aeroporto Internacional de Lisboa, proveniente de um país da América do Sul, transportando consigo, em malas de viagem, “elevada quantidade de cocaína”.

Após ter sido intercetada, os inspetores da PJ verificaram que a mulher “efetivamente transportava elevada quantidade” de cocaína, que foi também apreendida.

Segundo a PJ, caso chegasse aos circuitos ilícitos de distribuição, a droga seria suficiente para a composição de pelo menos 20.500 doses individuais.

A detida, de 24 anos, foi presente a primeiro interrogatório judicial e ficou em prisão preventiva.

/ SS