Três reclusos do Estabelecimento Prisional de Vale De Judeus, em Alcoentre, Lisboa, tentaram fugir com recurso a lençóis e garrafas de plástico, confirmou à TVI fonte do estabelecimento prisional.

Os três homens saltaram o muro do páteo da Ala B e preparavam-se para saltar o muro que dava acesso ao exterior. Toda esta operação foi realizada com recurso a garrafas de plástico, que eram atadas aos lençóis, de forma a fazer peso para conseguirem lançá-los por cima dos muros.

Esta fuga foi executada enquanto as torres de vigilância estavam inativas, o que torna o processo mais simples.

No entanto, tratou-se de uma fuga sem sucesso uma vez que estes reclusos acabaram por ser detetados por guardas que estariam ao serviço e novamente transportados até às respetivas celas.

A TVI sabe que estes reclusos estavam há pouco tempo neste estabelecimento prisional.