O Governo atualizou para 21 os concelhos que passam a estar em situação de alerta, depois de se ter verificado uma semana com incidência de 120 casos de covid-19 por 100 mil habitantes.

Entre estes municípios estão Aveiro, Matosinhos ou Vila Nova de Gaia, que podem recuar no desconfinamento caso voltem a ter uma avaliação negativa na próxima semana.

Saiba quais os concelhos que passam a estar em alerta:

  • Albergaria-a-Velha;
  • Aveiro;
  • Azambuja;
  • Cartaxo;
  • Bombarral;
  • Idanha-a-Nova;
  • Ílhavo;
  • Lourinhã;
  • Matosinhos;
  • Mourão;
  • Nazaré;
  • Óbidos;
  • Salvaterra de Magos;
  • Santo Tirso;
  • Trancoso;
  • Trofa;
  • Vagos;
  • Viana do Alentejo;
  • Vila Nova de Famalicão;
  • Vila Nova de Gaia;
  • Viseu

A estes municípios continuam-se a aplicar as seguintes medidas, bem como ao resto do país que não tem restrições adicionais.

• Teletrabalho recomendado nas atividades que o permitam;
• Restaurantes, cafés e pastelarias (máximo de 6 pessoas no interior ou 10 pessoas em esplanadas) até à meia-noite para admissão e 1h00 para encerramento;
• Comércio com horário do respetivo licenciamento;
• Transportes públicos com lotação de dois terços ou com a totalidade da lotação nos transportes que funcionem exclusivamente com lugares sentados;
• Espetáculos culturais até à meia-noite;
• Salas de espetáculos com lotação a 50%;
• Foras das salas de espetáculo, com lugares marcados e com regras a definir pela DGS.
• Escalões de formação e modalidades amadoras com lugares marcados e regras de acesso definidas pela DGS;
• Recintos desportivos com 33% da lotação;
• Fora de recintos aplicam-se regras a definir pela DGS.

António Guimarães