Uma explosão seguida de incêndio num prédio no centro de Albufeira, Algarve, provocou um ferido grave e desalojou três pessoas, disse à TVI fonte do Comando Distrital de Operações de Socorro (CDOS).

O ferido grave é um homem de 32 anos, que sofreu queimaduras e foi transportado para o Hospital de Faro. A vítima terá sido projetada para fora do prédio, na sequência do rebentamento de uma botija de gás, segundo o presidente da Câmara de Albufeira, José Carlos Rolo.

No primeiro andar, onde ocorreu a explosão, viviam três pessoas, que ficaram desalojadas.

Um segundo apartamento também foi afetado pela explosão e um terceiro pelo incêndio, mas os restantes 12 residentes aguardam autorização para regressarem a casa, uma vez que não existe risco de derrocada do edifício.

O prédio de três pisos situa-se na zona histórica de Albufeira, junto às Finanças.

A violência da explosão projetou ainda estilhaços e pertences da habitação.

O incêndio encontra-se já em fase de rescaldo, estando a decorrer trabalho de ventilação e de atualização dos danos.

No local estão 35 operacionais e 14 viaturas dos bombeiros, GNR, INEM e Proteção Civil.

O presidente da Câmara de Albufeira também está no local.