Um homem de 49 anos foi detido pela Guarda Nacional Republicana, no concelho da Amadora, pelo crime de violência doméstica, resultante de agressões físicas e psicológicas à sua mulher, durante 17 anos, informou hoje o comando territorial de Lisboa.

Segundo uma nota da GNR, através do Núcleo de Investigação e Apoio a Vítimas Específicas (NIAVE), na sexta-feira foi detido um homem por suspeitas de, durante 17 anos, agredir “física e psicologicamente a sua esposa, com 35 anos, muitas vezes na presença dos cinco filhos menores”.

Os militares do NIAVE detiveram o homem, através do cumprimento de um mandado de detenção, no âmbito de uma investigação por violência doméstica.

De acordo com a GNR, o detido já possui antecedentes criminais pela prática dos crimes de violência doméstica e de ofensa à integridade física.

O homem foi presente ao Tribunal Judicial da Comarca de Lisboa Oeste - Sintra, para primeiro interrogatório judicial, tendo-lhe sido aplicada a medida de coação de prisão preventiva.

As autoridades policiais conduziram o homem ao Estabelecimento Prisional de Caxias, acrescentou a mesma nota do comando territorial de Lisboa da GNR.