As alegações finais do «caso do envelope», no âmbito do processo do «Apito Dourado», deverão realizar-se esta sexta-feira no Tribunal de Gaia, escreve a Lusa.

A realização das alegações finais estava condicionada à junção ao processo, em tempo útil, do relatório social dos arguidos, o que entretanto aconteceu quinta-feira.

O processo do «caso do envelope» reporta-se ao encontro Beira-Mar-FC Porto (0-0), da 31ª jornada da Liga de 2003/04, realizado em 18 de Abril.

O presidente do FC do Porto, Pinto da Costa, e António Araújo, um empresário de futebol, estão pronunciados pelo crime de corrupção desportiva activa, enquanto ao árbitro Augusto Duarte é imputado o crime de corrupção desportiva passiva.

O processo é um apêndice do megaprocesso «Apito Dourado» e tem como génese casos de alegada corrupção e tráfico de influências no futebol profissional e na arbitragem portuguesa.