Um homem de 51 anos atingiu a tiro a ex-mulher e a ex-sogra na noite de domingo, na localidade de Cumeada, em Reguengos de Monsaraz, no distrito de Évora.

O homem, armado com uma caçadeira, entrou sem aviso na casa da ex-mulher e disparou a matar. Na casa estava a ex-companheira, de 54 anos, que foi atingida com um tiro no maxilar e apunhalada nas costas. A sogra, de 73 anos, também se encontrava na habitação e, ao tentar proteger a filha, foi atingida com três tiros na cabeça.

As vítimas perderam os sentidos, mas, algum tempo depois, a mulher atingida no maxilar conseguiu levantar-se e pedir ajuda a uma vizinha.

O alerta foi dado às 21:59 e para o local foram mobilizados oito operacionais, apoiados por quatro viaturas, dos Bombeiros de Reguengos de Monsaraz, GNR e INEM.

As vítimas ficaram em estado muito grave, tendo sido transportadas, inicialmente, para o Hospital do Espírito Santo de Évora e, mais tarde, para os hospitais de S. José e Santa Maria, em Lisboa.

O suspeito encontra-se em fuga e o caso está agora nas mãos da Polícia Judiciária, estando a GNR a colaborar nas diligências para o localizar.