"Confirma-se a realização hoje de diligências, designadamente buscas à Câmara Municipal de Loulé, no âmbito da denominada 'Operação Marquês'. O inquérito encontra-se em segredo de justiça", referiu a Procuradoria-Geral da República (PGR), em resposta à agência Lusa, que hoje à tarde noticiou a presença de magistrados, elementos da Autoridade Tributária e de agentes da PSP, na autarquia algarvia.