Cinco voos que deviam ter aterrado hoje ao início da tarde no aeroporto de Lisboa foram desviados para Faro e Porto, depois da operação de reboque de um avião da TAP ter impedido momentaneamente as aterragens.

Segundo fonte oficial da ANA - Aeroportos de Portugal, pelas 13:59 (hora de Portugal), um avião da TAP aterrou “em perfeitas condições” no Aeroporto Humberto Delgado, em Lisboa, mas foi necessário que um reboque o levasse ao 'stand' de estacionamento, pelo que durante 20 minutos “a pista esteve encerrada”.

Durante esse período, foram impedidos de aterrar cinco voos, sendo que quatro foram desviados para Faro e um para o Porto, referiu, acrescentando que pouco depois a operação regressou ao normal.

Já fonte oficial da TAP explicou, por sua vez, que, após a aterragem, se verificou uma fuga de óleo, pelo que o avião ficou imobilizado e foi o reboque buscá-lo para a posição de estacionamento, tendo ainda sido limpa a pista, o que levou a uma interrupção de cerca de 20 minutos na operação.