A PSP foi apedrejada e obrigada a disparar quando tentava terminar com uma festa ilegal, com cerca de 1.000 pessoas, no Bairro da Quinta da Fonte, em Loures. 

Inicialmente, a denúncia apontava para cerca de 300 participantes, mas quando as autoridades chegaram ao local o cenário era bastante diferente.

As agentes efetuaram vários disparos para tentar dispersar a multidão, mas a ordem não foi acatada, o que acabou por gerar momentos de tensão. Os elementos da PSP acabaram por ser apedrejados e atacados com garrafas, tendo-se registado danos numa viatura.

Ao que a TVI conseguiu apurar, a PSP não conseguiu deter nem identificar qualquer indivíduo.

Daniela Rodrigues / IC