A PSP deteve esta segunda-feira quatro pessoas e apreendeu quatro armas de fogo na sequência de um tiroteio no bairro da Torre, no concelho de Loures, informou à agência Lusa fonte policial.

O subcomissário da PSP Hugo Abreu, das relações públicas do Comando Metropolitano de Lisboa (Cometlis) da PSP, adiantou que os incidentes tiveram início cerca das 10:40 e prolongaram-se até ao início da tarde.

"Fizemos uma primeira operação de manhã, tendo sido detidas duas pessoas e outra à tarde com mais duas detenções", adiantou, ressalvando que as autoridades desconhecem, "para já", o que esteve na origem desta troca de tiros.

No decorrer desta operação foram apreendidas ainda quatro caçadeiras.

De acordo com a PSP, os quatro detidos deverão ser presentes na terça-feira a tribunal para conhecerem as medidas de coação.

Entretanto, em declarações à Lusa, fonte da Câmara de Loures informou que vai adiar uma operação de colocação de geradores de energia agendada para terça-feira neste bairro.

"Por uma questão de segurança, vamos reavaliar a situação e, em princípio, esta operação passará para quarta-feira", adiantou a mesma fonte.

As cerca de 70 famílias que moram no bairro da Torre, em habitações precárias e ilegais, vivem há dois meses sem eletricidade, uma situação que já motivou um pedido de ajuda "urgente" por parte da associação de moradores e de movimentos de apoio à habitação.