Um jovem de 21 anos, alegadamente infetado com Covid-19, foi amarrado, na quarta-feira, a um corrimão no Bairro Padre Cruz, em Lisboa, por desrespeitar o confinamento obrigatório.

Os moradores contaram à TVI que não é a primeira vez que o jovem sai de casa e, por isso, temem pela saúde das crianças, idosos e doentes que vivem naquele bairro.

Na quarta-feira, na sequência de mais uma fuga de casa, o jovem foi impedido de circular pelos moradores, foi amarrado a um corrimão e a PSP foi chamada ao local.

Os moradores contaram também que não foi a primeira vez que chamaram a polícia por causa do mesmo indivíduo.

A mãe do jovem explicou à TVI que o filho tem problemas de dependência de droga e que, por isso, não consegue ficar em casa.

Tem havido problemas porque ele está doente e as pessoas têm razão, porque isto é um perigo. Estou cansada de ligar para a polícia e para vários sítios e ninguém o leva", disse Fátima Ribeiro.

Os moradores queixaram-se à PSP que o jovem vai continuar a fugir de casa e a colocar em perigo a comunidade.

Rita Barão Mendes / CM