Um homem de 62 anos ficou ferido com gravidade, este sábado, após ter sido atropelado por um veículo participante na prova de todo-o-terreno Baja Portalegre 500, no concelho de Alter do Chão, disse à Lusa fonte da GNR.

A mesma fonte indicou que o incidente ocorreu às 11:15, quando um veículo participante na última prova do campeonato nacional se despistou junto ao cemitério de Chança, no concelho de Alter do Chão, distrito de Portalegre, tendo colhido a vítima, que integrava um grupo de pessoas que estava a assistir.

A fonte da GNR adiantou que o homem foi transportado para o hospital de Portalegre.

O porta-voz da Unidade Local de Saúde do Norte Alentejano, Ilídio Pinto Cardoso, disse à Lusa que o homem foi posteriormente transferido num helicóptero do Instituto Nacional de Emergência Médica (INEM) para o Hospital São Francisco Xavier, em Lisboa, em "estado muito grave".

"A vítima sofreu vários traumatismos, torácico, abdominal, craniano e numa perna", adiantou.

A Lusa contactou o Comando Distrital de Operações de Socorro (CDOS) de Portalegre, tendo indicado que a prova é da responsabilidade do Automóvel Clube de Portugal, não tendo qualquer informação sobre a ocorrência.