Portugal regista, esta sexta-feira, mais seis mortes e 1.822 novos casos de covid-19, revela o mais recente relatório da Direção-Geral de Saúde (DGS). 

O país tem neste momento um total de 43.309 pessoas infetados. Entre as quais, existem 681 doentes internados em enfermarias (-14) e 136 em unidades de cuidados intensivos (-4).

Em comparação com a última atualização da DGS, feita na quarta-feira, tanto o R(t) como a incidência diminuíram.

A incidência passou de 303,5 casos de infeção por 100 mil habitantes, a nível nacional, e 310,2, no continente, para 295,5 e 302,6, respetivamente.

Já o índice de transmissão passou de 0,98, em todo o território nacional, e 0,99, no continente, para 0,96 e 0,97.

A taxa de incidência de infeções nos últimos 14 dias em Portugal regista esta sexta-feira uma descida face a quarta-feira, para menos de 300 casos por cem mil habitantes, e o índice de transmissibilidade do coronavírus SARS-CoV-2também diminuiu.

Segundo o boletim epidemiológico conjunto da Direção-Geral da Saúde e do Instituto Nacional de Saúde Doutor Ricardo Jorge divulgado esta sexta-feira, a taxa de incidência (média de novos casos por 100.000 habitantes nos últimos 14 dias) nacional baixou de 303,5 para 295,5 casos.

Em Portugal continental, a taxa de incidência baixou de 310,2 para 302,6.

O Rt - que estima o número de casos secundários de infeção resultantes de uma pessoa portadora do vírus - baixou dos 0,98 em a nível nacional de 0,98 para 0,96 e de 0,99 em Portugal continental para 0,97.

Os dados do Rt e da incidência de novos casos por 100 mil habitantes a 14 dias - indicadores que compõem a matriz de risco de acompanhamento da pandemia - são atualizados pelas autoridades de saúde à segunda-feira, à quarta-feira e à sexta-feira.

O nível de risco na matriz de monitorização da pandemia de covid-19 fixa-se em 480 casos por 100 mil habitantes a 14 dias.

De acordo com o portal do Governo para a covid-19, “a monitorização da evolução da pandemia continuará a ser feita com base nos indicadores de incidência e Rt, adaptados de acordo com a evolução da vacinação (nível de alerta passa para 240, nível de risco passa para 480)”.

O Norte voltou a ser a região com mais contágios de covid-19 com 630 novos casos, seguindo-se Lisboa e Vale do Tejo com 586 infeções.

Há ainda a registar menos 533 pessoas sob vigilância das autoridades de saúde, num total de 43.520 utentes.

Desde o início da pandemia de covid-19, Portugal já contou com 1.044.144 casos confirmados de infeção por SARS-CoV-2.

Redação